26/09/13

O que é isto da Auto-Estima?



A Auto-Estima define-se pela estima que tenho por mim própria(o), ou seja, o gostar de mim.

A estima que eu tenho por mim própria(o) varia consoante os dias e os momentos. Às vezes acordo a adorar-me, com imensa vontade de ser “eu” e de viver cá dentro, neste mundo “meu” onde sou a(o) única(o) habitante.
Mas outros dias, acordo cinzenta(o) por dentro e gostar de mim, parece uma tarefa difícil…

A Auto-Estima é como o amor. É uma relação a dois, entre mim e mim própria(o), onde há dias em que as coisas correm bem, e outros em que só a voz do outro torna-se irritante. Mas no fim de contas, é tão fácil deixar-se gostar. Basta ouvir o que o “eu” tem para dizer, sair mais vezes comigo própria(o), permitir-me a ser sincera(o) cá por dentro, e acreditar mais no outra(o) que sou o “eu interno”.

A Auto-Estima, define-se pela imagem que eu tenho de mim própria(o), ou seja, a projeção interna que tenho do meu Eu.
Quando me olho ao espelho vejo não só uma imagem refletida, mas também uma imagem projetada, em que sou iludida(o) perceptivamente pelo que vejo em mim. Assim, nesse momento cruza-se a minha imagem interna com a minha imagem externa.

Mas o que faz com que algumas pessoas sejam mais seguras de si, mais estáveis emocionalmente enquanto outras se perdem, se desesperam quando algo acontece?
A diferença que permite que cada um consiga ter controlo sobe as suas emoções é o autoconhecimento.
A maioria das pessoas acredita que sabe quem é, mas na verdade conhece-se muito pouco.
Quando ama alguém, confia em alguém que pouco conhece? Geralmente amamos e confiamos apenas em quem conhecemos bem! E se não se conhece a si, como pode acreditar na sua própria capacidade? Como pretende lutar pelos seus sonhos se não acredita ser capaz? E por que não acredita ser capaz?
Porque não se conhece…

O Auto-Conceito é fundamental para a promoção da Auto-Estima. É a definição que mais se aproxima do Self ou do Eu, por ser mais amplo.

Quem sou eu?
Como me defino?
Como me identifico?
Como me apresento?
Que conceito tenho de mim própria(o)?

As respostas a estas questões, são o ponto de partida para o Auto-Conceito, que por sua vez, é o ponto de partida para a promoção da sua Auto-Estima.

Permita-se a conhecer-se melhor, permita-se a gostar de si!


Um abraço com estima,
Débora Água-Doce

SHARE:

2 comentários

  1. É uma tarefa bastante complicada, ainda que racionalmente nos pareça simples e fácil, na prática a história é outra... É um dos (muitos) dilemas que estou a trabalhar... Ser eu sem o outro... não deixar de ser quando o mundo se "afasta"... tarefa árdua que traz muita "bagagem" à tona!

    ResponderEliminar
  2. Parabéns pelo espaço. Gostei! Vou voltar com toda a certeza.
    Beijinho,
    Liliana (também sou psicóloga e também sou blogger!!)

    ResponderEliminar

© A Psicóloga que também é Blogger . All rights reserved.